quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

conversa de lábios

terás tu um irmão? Alguém pelo menos com lábios iguais? Pode ser mais alto, um corpo de metro e noventa será demais? Chegaria-me, se só tivesses setenta!
Escrevo-te a dizer que gostei do nosso beijo, foi cheio, foi sentido, foi desesperado, talvez pouco amado. 
Vejo-te no meu sofá. Ficas bem por lá. Combinam as tuas calças de sempre no fundo ocre calcado. 
Foi um beijo demorado. Recordado também.
Fazes-me lamber galões e fumar cigarros. És um beijo desejado, molhado, desacreditado. Onde se compram beijos assim? Moldes de lábios pensados, que podem ser salgados ou demolhados ou envinagrados, que importa, onde se compram? 
Não, não os quero adocicados. Esses são malvados...
ah sei, só tens uma irmã... e então, beija bem?



 

"Trocaria a memória de todos os beijos que me deste por um único beijo teu. E trocaria até esse beijo pela suspeita de uma saudade tua, de um único beijo que te dei." Miguel Esteves Cardoso

8 comentários:

Imprópriaparaconsumo disse...

Beijos com cheiros e sabores. Beijos que deixam memórias.
Gosto. :)

Nikita disse...

E tanto se diz quando duas bocas se encontram...
Mas o melhor mesmo, é aquilo que não se diz, e que simplesmente deixamos o nosso corpo viver.
Há lábios que nos ficam gravados...


Beijo grande

Casaert disse...

:D saio daqui maravilhado :D

beijo

Simplesmente_EU disse...

Beijos...
São musicas tocadas no peito de surdos...
São brisas quentes que nos enchem a alma...
São forças invisíveis que nos prendem os sentidos...
E estes que descreves... prendem qualquer mortal.

( gostei bastante do desabafo)

Baby Suicida disse...

Imprópriaparaconsumo, beijo em ti, com aquela vontade que tu sabes.

Baby Suicida disse...

Nikita, que venhas por bem e não deixes de me beijar

Aperto em ti.
Sê bem vinda,

Baby Suicida disse...

Casaert
A saudade é uma coisa que nos liga. Os beijos ainda não sabemos...

Aperto

Baby Suicida disse...

Simplesmente_EU,

Tu és um encantador de palavras.

Aperto em ti meu querido!