terça-feira, 24 de março de 2015

vamos lá depenar

hoje escrevo na primeira pessoa, daí a letra a itálico, estão a ver? Só para dar ênfase. Pois. Escrever na primeira pessoa é exactamente no EU. Percebem e estão a seguir-me atentamente, certo? Certo. A bem da verdade, não sei que merda vou dizer. Mas vós esperais que algo vai sair a escrito. 
Primeiro, irrita-me o facto de ninguém ter reparado e comentado, no mínimo com certo asco, os pêlos meio rebeldes que saem das axilas da moça da foto anterior. Mas vá, passa. Segundo, anda-me aqui a fazer comichão a bela reflexão da miúda do blogue Me, My Shit and I,  que passo a copiar e a colar e até vem juntamente a faixa cinzenta de fundo que igualmente me faz saltar a tampa, mas também me passa, ei-la : 
Giro, giro, era colocarem, antes de nos permitirem aceder a um blog - à imagem daqueles avisos de conteúdo apenas próprios para adultos - um aviso ao grau de estupidez dos mesmos.  EU logo me meti a jeito (de joelhos) e confessei-me logo ali!  Assumo a estupidez que escrevo. Pronto. E mal escrito, pois se há deputada disléxica EU posso ser estúpida! E escrever mal ou mal saber escrever. Que importa, enh!? (grito)
Acho - lá está, EU - que todos deveríamos ter um blogue estúpido! Passo a enumerar as 10 boas razões para ter um blogue estúpido e digo dez porque está na moda as 10 merdas sempre boas. As 10 da batata doce, do alho, do gengibre, para a tez, para fornicar que nem doidos, enfim, sempre 10 boas razões ou vantagens para as coisas mais, ESTÚPIDAS! Agora senti-ME feliz.
Bom as 10, ora bem,
1- Um blogue sem ser estúpido é como uma primavera sem flores. E quem não gosta de um ramo de flores é estúpido! (Eu não gosto, está certo);
2 - Um blogue sem ser estúpido é como uns collants de senhora
imaculadamente perfeitos! E quem não sabe usar collants sem lhes foder as malhas? (Eu! Confirma);
3 - estou farta! 
à 5ª boa razão, desistiam de ter um blogue estúpido e é estúpido não terem um blogue estúpido!    


"quero-te porque a tua boca sabe gritar rebeldia" - Mario Benedetti

16 comentários:

eusouassim disse...

Gostei muito da 7ª razão. É por ela que tenho um blog estúpido.
Gritas tanto que já sangras da boca. Tem cuidado com as infecções.

Um beijo e um grito

Baby suicida disse...

eusouassim, mas o que é que tu sabes de depenar!? Quando não é com jeito sangra. E eu não sou muito jeitosa, que queres!?

No fim uso Tantun verde.

eusouassim disse...

Percebo porque estou depenado não vês??
Já te disse o que quero, quero-te a gritar naquela posição para eu aplaudir.

Listerine acho que é mais forte. Mas pelo sim pelo não, bebe medronho.

Legionário disse...

Bs, como estamos na quaresma lembrei-me desta citação! :))

"Sem derramamento de sangue não há redenção" (Hebreus9, 22).

Casaert disse...

Fiquei chocado com as penas :S, já com os sovacos da outra nem tanto :D

bjão :D

Shiver disse...

O pombo que apanhaste no quintal é que não tinha culpa nenhuma ;)

Intensyo Delirium disse...

Os blogs são sempre estúpidos aos olhos de quem exorciza a temática dominante do mesmo ;)

SinneR disse...

a inveja é um pecado mortal.
posso afirmar que de estupidez não tens nada.

bj doce

Imprópriaparaconsumo disse...

Não gosto muito de penas mas a boca rebelde agrada-me.
Beijos

Baby suicida disse...

Legionário, e está tudo dito,
e bem!

Baby suicida disse...

Casaert e então eu não sei... Olh, temos PENA.

Baby suicida disse...

Shiver, não era pombo era pomba, tu vê-me lá o disparate!

Baby suicida disse...

Intensyo Delirium, fico mais tranquila, arrisco em dizer que fico mesmo muito mais descansada.

Baby suicida disse...

Sinner, aqui não há inveja, não há mau olhado, nadinha!

Baby suicida disse...

Imprópria, eu sou de boa boca.

Me, My Shit and I disse...

Respondi lá, e repondo aqui. O teu blog está longe de se inserir naquela categoria de estupidez :)
A estupidez, moderada, é saudável.
Digo-to eu, q tenho um blog para lá de parvo :)
Mas num sistema de triagem de machester de estupidez dos blogs, nós seriamos, qt mto, azuis. Assim tipo um "é só parvo, ms inofensivo" depois de mtos pelo meio, chegávamos aos vermelhos "alerta, n entrar, podeis ficar estúpidos, ou com vontade de bater no autor (acontece amiúde)"